Etapa Estadual preparatória ao II ENE ocorre em Porto Alegre (RS)

imp-ult-4057514Mais de 450 professores, técnicos e estudantes da educação básica, técnica e tecnológica e do ensino superior participaram entre os dias 21 e 23 de abril do Encontro Estadual de Educação Preparatório do II Encontro Nacional da Educação (ENE), que ocorreu na Escola Técnica Parobé, em Porto Alegre (RS). O encontro discutiu propostas sobre a educação pública brasileira, que serão apresentadas no II ENE, que será realizado em Brasília (DF), de 16 a 18 de junho deste ano, com o mote “Contra o ajuste fiscal e a dívida pública – por um projeto classista e democrático de Educação”.

Giovanni Frizzo, 1° vice-presidente da Regional Rio Grande do Sul do ANDES-SN e um dos coordenadores do Grupo de Trabalho sobre Políticas Educacionais do Sindicato Nacional (GTPE), ressaltou o crescimento quantitativo e qualitativo do encontro preparatório ao II ENE, fruto do fortalecimento dos comitês e fóruns locais em defesa da educação pública. “Em relação ao ENE passado [2014] temos um acréscimo tanto de acúmulo de debate quanto de participação e isso aponta a perspectiva de termos um grande encontro nacional em junho. Agora, cabe aos locais que já realizaram os seus encontros preparatórios, organizar as caravanas para que o II ENE tenha uma boa representação a partir dos acúmulos locais”, disse.

Durante os três dias de encontro, os diversos segmentos ligados à educação participaram de mesas temáticas como a “Situação Política, educação e lutas sociais”, “Rumos da educação na pátria educadora” e de reuniões de grupos de trabalho para debater os eixos previstos para o II ENE: financiamento; gestão; avaliação; gênero, sexualidade, orientação sexual e questões étnico-raciais; acesso e permanência; trabalho e formação dos trabalhadores e das trabalhadoras da educação. No último dia (23), ocorreu a mesa “Perspectivas das lutas da educação e o ENE”, seguida da plenária final que sistematizou as discussões dos grupos em um documento, que será remetido ao encontro nacional.

“Nos debates foi possível perceber a insatisfação e indignação dos professores, técnicos e estudantes com a realidade da educação pública no país, no sentido da precarização e da intensificação das medidas de privatização de escolas, universidades, e da educação em geral nos níveis federal, estadual e municipal. Os participantes chegaram a um consenso de que é preciso unificar as lutas em defesa da educação pública e apontar outra perspectiva de educação – referenciada no Plano Nacional de Educação (PNE) – Proposta da Sociedade Brasileira-, a ser potencializada no próximo período com os elementos da atualidade que a gente vivencia e usada como ferramenta para a disputa de um projeto de educação”, apontou o diretor do ANDES-SN.

Foto: Adufpel – Seção Sindical do ANDES-SN.

Fonte: ANDES-SN

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s